Minha história de amor

quinta-feira, 28 de julho de 2011

Por: Dani Almeida

Acho que estou vivendo uma paixãoamor.
Paixão por ser intenso.
Amor por ser eterno.
Vou te contar nossa história:

Como todos os amores, eu estava no meu canto, e ele no dele. Eu era feliz, mas ainda me sentia sozinha, é um vazio que pessoas que não tem um amor assim sentem. É não sabermos o motivo da nossa existência.
Para adiantar a história, vou contar logo que ele já me conhecia, mas meio de longe. Não tínhamos intimidade, por minha causa, era eu quem evitava a nossa aproximação. Soube depois que ele até me amava, eu que era muito reservada no "meu mundo". Não sei se isso já aconteceu com você, mas os amigos me ajudaram na nossa aproximação; começaram a me falar dele, sobre o seu interesse, como ele era, o que fazia, o que já tinha feito...
Eu comecei a me interessar, porque "seu currículo não era de se jogar fora" mas mesmo assim, algo me puxava para longe desse amor.

Isso continuou, então soube de algo e entendi a situação, o que mudou completamente todo meu curso de vida.
Ele faleceu. Sabe aquelas histórias que lemos nos romances em que o mocinho morre pela mocinha e isso impede que o seu desesperado amor se concretize? (Tipo Romeu e Julieta). Bom, minha história é mais ou menos assim, mas a morte do meu amor não foi uma tragédia.
Ele morreu, isso já ficou bem claro, foi uma morte intensamente sofrida.

Descobri que essa morte foi uma prova de amor, para mim! Você deve imaginar o quanto eu chorei em saber que ele morreu por mim, e eu apenas o desprezava!

Sabe o alívio que sentimos quando nos arrependemos muito e temos uma nova chance?
Pois bem, isso também aconteceu comigo. Acontece que ele morreu, mas ressuscitou para que eu tivesse a chance de viver essa "paixãoamor".
Me arrependi dos meus pecados e com ele ao meu lado, sinto que nada é impossível.

Me emociono toda vez que lembro dessa história, me emociono de alegria e também de tristeza, pois ainda tem tanta gente que tem uma história assim, mas ainda não se arrependeu e nem se deu a chance de viver essa história de amor. São pessoas que ainda não se deram a chance de seu "Feliz pra sempre".
Neste caso, literalmente.

"Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo o que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna João 3:16
http://naobastaexistir.blogspot.com

3 comentários:

  1. otimo blog parabns......abraçoo

    ResponderExcluir
  2. *---------*
    Agradecemos muito!
    Volte sempre ♥
    Fica com Deus!

    ResponderExcluir

 
O (In)dizível © 2012 | Designed by Bubble Shooter, in collaboration with Reseller Hosting , Forum Jual Beli and Business Solutions